setembro 17, 2014

Cais da Ribeira

Abris os braços inteiros e colocar todo o espaço que cabe neles. Lavar o rosto de incertezas. Não gosto da tarefa mínima do corpo quando o Inverno se instala, mas toda a insatisfação é uma nostalgia. O professor de história diz que o factor de beleza é hediondo. Concordo. O Outono vai cismar no Domingo, e reclamo-o só para mim.


2 comentários:

  1. Gostei da forma como escreves-te :)

    ResponderEliminar
  2. No dia em que parares de escrever eu morro, Mariana, eu morro!

    ResponderEliminar